Advogado São Paulo Brasil

Advogado Trabalhista



Advogado Trabalhista - 20 anos de atuação


O que fazemos

Advogado Trabalhista - Advocacia Trabalhista - São PauloA Carrillo Advogados é um escritório de advocacia diferenciado, que tem alto índice de ações trabalhistas ganhas pelos seguintes motivos:

- atuamos em poucos processos;
- acreditamos que toda causa é grande;
- acreditamos que não existe ato pequeno;
- perseguimos a eficiência de cada ato;
- persistimos até o último recurso.

Somos um grupo pequeno e apaixonado de advogados, que atuam com um número limitado de causas, o que permite a dedicação exclusiva aos seguintes assuntos:

- Reconhecimento de vínculo de emprego;
- Reversão de justa causa;
- Dano moral;
- Fraude Trabalhista;
- Acidente do trabalho.

Limitado aos seguintes assuntos, atuamos em poucos processos, em causas de alta complexidade e envolvendo grandes somas.

Patrocinamos casos em que acreditamos que podemos ajudar as pessoas a obter justiça.


Se você está procurando um escritório de advocacia com experiência em ações complexas, acostumado a litigar contra grandes corporações: somos o seu escritório de advocacia.



Localização


Advogado trabalhista
Av. Angélica, 2.530, conj. 51,
Consolação, São Paulo - SP





Corretor de Imóveis - Vínculo de Emprego
Corretor de imóveis que presta serviços na sede da empresa e nos imóveis à venda, de forma alternada, em horário prefixado, sujeito à coordenação e fiscalização do seu trabalho, percebendo comissões sobre o valor da vendas realizadas, não é trabalhador autônomo. Vínculo de emprego que se reconhece ante a presença dos requisitos do art. 3º da CLT.
Leia mais




Vínculo de emprego - Saiba como reconhecê-lo
Com a finalidade de fraudar a norma trabalhista, muitas empresas utilizam de diversas práticas ilegais, logrando êxito em não recolher impostos e contribuições previdenciárias, bem como em não pagar as verbas trabalhistas do empregado.
Leia mais





Vendedor de Imóveis e o reconhecimento de vínculo de emprego
Admitida, pela imobiliária reclamada, a prestação de serviços do reclamante como vendedor de imóveis e não comprovado o labor de forma autônoma, ônus que lhe cabia, presume-se, diante do princípio da primazia da realidade e dos elementos dos autos, que havia vínculo de emprego entre as partes, ainda mais quando o vendedor não possui registro no CRECI.
Leia mais





Vendedores de seguros - Banco - Vinculo de emprego
A condenação acima foi motivada pela contratação de vendedores através de pessoa jurídica simulada, fraude trabalhista reiterada, que a instituição financeira e demais empresas do grupo exercem em todas as suas agências, sempre denominando como "concessionários", sem vínculo de emprego, os seus vendedores, que exercem a atividade com todos os requisitos necessários para a comprovação do vínculo empregatício.
Leia mais




Corretor de imóveis e o vínculo de emprego
Entretanto, o corretor de imóveis dificilmente atua sem ser supervisionado por um superior, principalmente nas medias e nas grandes imobiliárias, o que gera subordinação, existindo, geralmente, controle de horário, cobrança por metas, exigência de participação em treinamentos e, ainda, obrigatoriedade de respeito às escalas dos plantões, obrigações previamente determinadas pelas empresas.
Leia mais





Construtora é condenada a reconhecer vínculo trabalhista de corretor de imóveis
A ação judicial foi proposta com a finalidade do reconhecimento de vínculo de emprego de corretor de imóveis, por serviços prestados com os seguintes requisitos:
a) de forma não eventual; b) subordinação; c) pessoalidade;d) onerosidade.
Leia mais






Laboratório - Vínculo de emprego
Um dos argumentos usados em defesa do laboratório foi que a contratação dos profissionais médicos, por intermédio de pessoa jurídica, atendia ao interesse dos próprios prestadores de serviços por causa de sua alta especialização e pela possibilidade de ter uma agenda mais flexível. Com uma análise minuciosa, o voto do relator, de 47 páginas, destacou, dentre outros pontos, que as contratações efetuadas pela empresa não se amoldam ao conceito de terceirização, uma vez que os prestadores de serviço eram os próprios sócios da pessoa jurídica contratados pela Ré e não seus empregados. Para o magistrado, a hipótese dos autos tampouco autoriza a concluir que seriam autônomos, pois nesse caso não haveria intermediação de pessoa jurídica.
Leia mais




Engenheiro - Vínculo de emprego - Reconhecimento
Engenheiro eletrônico e de telecomunicações que comprovou que a Siemens Ltda. deixou de cumprir várias obrigações trabalhistas durante os seis anos de contratação, a começar pela falta de registro na carteira de trabalho e previdência social (CTPS) e pelos quatro anos ininterruptos sem férias. O detalhe, no caso, é que o vínculo de emprego só foi reconhecido em juízo.
Leia mais





Demitido por justa causa é reintegrado a banco
Um bancário do HSBC, demitido por justa causa, teve decisão favorável na Justiça Trabalhista, que condenou o banco a reintegrá-lo. O Pleno do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 14ª Região, em Rondônia, confirmou sentença do juiz Vitor Leandro Yamada, da Vara do Trabalho de Jaru (RO). Ele também havia determinado que a instituição inglesa pagasse indenização de R$ 400 mil ao bancário por danos morais. O TRT majorou o valor para R$ 450 mil, e determinou que o banco pagasse mais R$ 9 mil do valor do custo do processo.
Leia mais






Ex-diretor de marketing contratado como PJ comprova vínculo de emprego.
A Segunda Turma do Tribunal Superior do Trabalho reconheceu a existência de vínculo de emprego de um ex-diretor de marketing e comunicação social com a TIM Celular. Os ministros entenderam que a contratação do trabalhador como pessoa jurídica ocorreu para disfarçar a relação de emprego. Na ação, o ex-diretor alegou que trabalhou para a Telecomunicações de Santa Catarina de 1971 a 1998, quando a empresa foi privatizada e comprada pela Operadora TIM. No mesmo ano, ele se aposentou e foi readmitido pela TIM para o mesmo cargo de diretor de marketing. No entanto, o empregado disse que foi orientado a constituir pessoa jurídica.
Leia mais




Reconhecimento de Vínculo de Emprego
- Engenheiro - Corretor de imóveis - Corretor de seguros - Corretor de Previdência - Bancários - Médicos - Contratado como PJ - Contrato como Cooperado - Contrato como estagiário - Contratado como sócio - Contratado como terceirizado - Contratado como empreiteiro - Contratado como autônomo
Leia mais





Empresa de cruzeiro marítimo é condenada a pagar R$ 330 mil por trabalho escravo
Denunciada por manter 11 profissionais de condições de trabalho análogas à escravidão, em abril de 2014, a empresa MSC Crociere foi condenada pela Justiça do Trabalho da 5ª Região, na Bahia, a repartir entre as vítimas o valor de R$ 330 mil, quantia referente ao julgamento por danos morais. A informação foi divulgada pela Defensoria Pública da União nesta quarta-feira (21) e a empresa pode recorrer da decisão.
Leia mais






TRABALHO NO NAVIO - Brasileira deve ser protegida por lei do Brasil - Ela trabalhava das 07:00 da manhã até às 24:00




Como reverter demissão por justa causa
Como reverter demissão por justa causa é a grande preocupação de quem foi demitido com base em um injusto motivo, medida normalmente adotada por empresas inidôneas, que visam, com isso, não arcar com o pagamento das verbas trabalhistas, ou do que foi pactuado no contrato de trabalho, ou, até mesmo, visam prejudicar o empregado.
Leia mais





7 Maneiras de blindar o patrimônio dentro da lei - Blindagem Patrimonial
Bem de Família - Usufruto - Contrato de Namoro - Separação Total de Bens - Holding - Empresa "Offshore" - Conta Bancária no Exterior - Cédulas de Crédito Bancário - Alienação Fiduciária de Bens
Leia mais




Descubra as principais fraudes cometidas por devedores
Compra de bens por instrumento particular sem registro - Compra de bens em nome de terceiros - Criação de filiais e transferência de valores - Separação matrimonial fraudulenta - Alteração de regime matrimonial - Compra e venda simulada - Pagamento de dívida simulada - Doação com reserva de usufruto - Criação de empresas para a transferência de recursos e bens - Transferência das cotas da sociedade - Sucessão de empresas - Venda do bem com financiamento bancário - Criação de empresas no exterior
Leia mais